Projeto garante atendimento a mulheres com artrite e artrose

Pacientes acima dos 45 anos poderão ter atendimento e acompanhamento regular na rede pública de saúde

Tramita na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 11014/18, que determina que todas as mulheres a partir dos 45 anos de idade portadoras de artrite e artrose tenham atendimento e acompanhamento regular na rede pública de saúde. O projeto foi apresentado pelo deputado Carlos Henrique Gaguim (DEM-TO).

A artrose caracteriza-se pelo desgaste da cartilagem que reveste as articulações do corpo humano. Faz parte do envelhecimento, como as rugas. Já a artrite envolve a inflamação dessas articulações e geralmente é acompanhada por dor, calor e vermelhidão.Mulheres são mais acometidas pela artrose, na proximidade da menopausa, e também pela artrite.

“Os cuidados com as mulheres afetadas devem ser permanentes, porque a frequência da artrose aumenta de modo significativo com a idade”, afirma Gaguim. “Embora não haja cura, a definição para cada doente de um protocolo terapêutico permite aliviar os sintomas e melhorar a qualidade de vida”, disse.

Tramitação – O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Fonte: diariodigital.com.br/geral/projeto-garante-atendimento-a-mulheres-com-artrite-e-artrose/178241/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *