Me considero apesar das minhas limitações uma vencedora!

Fui diagnosticada com Artrite Idiopática Juvenil aos 11 anos de idade

Meu nome é Célia, tenho 43 anos, casada tenho uma filha de 6 anos. Minha vida de paciente começou desde os 11 anos de idade tenho AIJ  e desde   então muitas barreiras tive que quebrar, muitas lutas, muitas dores. Há 32 anos  quando descobri que tinha AIJ foi um baque muito grande,imagina  uma criança que corria, brincava e de repente não conseguia fazer mais nada disso, tive que reaprender e me adaptar com as mudanças que a AIJ causou na minha vida.  Tomei várias medicações entre elas corticoide, Cloroquina, AAS, Sais de ouro, MTX,Arava, Remicade, Embrel, Mabhtera . Muito tempo de doença as deformidades surgiram, e mesmo assim com ajuda da família e amigos consegui terminar os estudos e hoje Graças a Deus posso dizer que minha família foi a base para não me deixar abater e desistir, pois a luta é grande. Tenho uma família linda, uma filha perfeita apesar da gravidez ter sido de alto risco com um parto prematuro com 31 semanas, tive o sonho realizado de ser mãe e me considero apesar das minhas limitações uma vencedora, pois amamentei a minha filha até os 2 anos de idade e cuido da minha família e da minha filha.Agradeço ao meu Marido que sempre me apoiou e me apoia.  Conheci a Cátia Figueiredo na época do Orkut e depois nos encontramos pessoalmente no pré Natal e dessa amizade surgiu o Grupo RecomeçAR/RJ onde um sonho virtual se tornou real. Um Sonho em poder ajudar outras pessoas que  tem o diagnostico de AR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *