Hoje vivo com algumas limitações e poucas sequelas.

Sentia dores em todas as Articulações

Cátia Domingues Figueiredo, 39 anos, casada. Em 2001 fui diagnosticada com tendinite e hipotireoidismo. Medicada continuava com dores que começaram a migram pra outras articulações, comprometendo todo meu corpo, só vivia engessada. Nessa época estava namorando com meu marido e ele sempre me amparava nas dificuldades, me levava a médicos e até me vestia e penteava meu cabelo, mais isso não era normal…uma tendinite me incapacitar de tal maneira que chegou ao ponto de me deixar sem andar e fui levada de ambulância ao HNMD e lá a medica de plantão era reumatologista, só de tocar meu corpo ela falou que eu tinha artrite reumatoide, nome dela Dra Márcia de Deus, de Deus mesmo ela, pois ali medicada por ela já comecei a melhorar. Fiquei alguns dias internada e fui liberada com naproxeno de 500mg 2x ao dia e 40mg de prednisona. Só me fez melhorar um pouco, mais as dores insuportáveis me acompanhavam, comecei a faltar o trabalho pois n andava e a vida ficou mais complicada. E meu tratamento por mais de 5 anos foi parecido, depois foi prescrito MTX sem sucesso, só me causava enjoos,dor de cabeça e queda de cabelo. Na rebeldia do tratamento parei com o MTX e aumentei o corticoide por conta própria, não fazia noção do estrago que estava causando ao meu corpo. Na consulta foi prescrito MTX injetável. Também sem sucesso, meses e meses tomando injeção que tenho pavor e as dores continuavam, novamente parei, e só teria consulta 6 meses depois, nesse tempo engravidei e fui encaminhada para pré natal no HUPE, meus medicamentos na gestação foram Reuquinol e prednisona. No pré natal conheci a Célia no mundo real pois já conhecia no mundo virtual. Tive uma gestação com complicações como descolamento de placenta, infecção urinaria que me levou a internação e depois o útero estava aberto, mesmo com isso não tive uma dor sequer da AR, levando até ao DR Roger levy falar para que eu engravidasse todos os anos. Cayque nasceu dia 27/08/2010 as 14:20 e as 18:00 já implorava por uma novalgina,pois ele nasceu antes do tempo e não tinha guardado meus remédios na bolsa. A partir desse dia foi o pior ano com AR, com dores insuportáveis, chegando a meu bebe chorar no berço e eu chorar ao lado sem conseguir pega lo.
Os Médicos queriam que parasse logo de amamentar com 3 meses mais falei que iria aguentar ate os 6, sem sucesso…amamentei até 1 ano. Ai tive um tratamento que mudou por completo a minha vida, comecei com arava associado com reuquinol e prednisona.
Melhorando muito as dores mais continuando com a inflamação. Foi então estudado a introdução do biológico, comecei a tomar todas as vacinas e fiz profilaxia para tuberculose pois minha mãe estava doente. 2 meses apos iniciei o tratamento com Embrel, no dia seguinte a 1º injeção já era outra pessoa, sem dor alguma, fiz ate faxina em casa de tão feliz que estava, disse que Deus estava ali dentro, mais antes de iniciar o tratamento pedi muito a deus que aquele remédio fosse o que me livraria da dores, e assim foi feito. Já fazem quase 3 anos sem dores. Hoje com 15 anos de artrite reumatoide e hipotireoidismo, de brinde tenho síndrome seca que me causaram várias uveítes, 2 ulceras de córnea.

Agradeço muito por ter tido a oportunidade de ter direito a um tratamento eficaz com médicos competentes como Dra Magali, Dra Beatriz e Dr Geraldo. Hoje vivo com algumas limitações e poucas sequelas. Graças ao acompanhamento deles minha vida mudou por completo, voltei a fazer coisas que tinha perdido as esperanças de voltar a fazer. Fiz musculação, pilates, aulas funcionais.
Digo para você tenha fé em Deus e confie nos seus médicos que um dia “Seu dia Chegará”. O meu levou 12 anos pra chegar, mais chegou. E que dure para sempre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *